PROXIMIDADE

Ronda no Bairro inicia horário estendido da Equipe Social com busca ativa em diversas praças

Para realizar o trabalho, uma guarnição operacional acompanha os psicólogos e assistentes sociais também até a meia noite

Luciano Milano

quarta, 01 de novembro de 2023 às 14h00

280

Victor Lopes

Texto de Luciano Milano

Fotos de Victor Lopes

 

A Equipe de Articulação e mobilização Social do Ronda no Bairro iniciou as atividades no horário estendido das 17h à meia-noite, nesta terça-feira (31), com um trabalho de busca ativa nas principais praças do Centro e Orla marítima: Sinimbu, Deodoro, Dos Martírios, Faculdade e Posto 7. Uma guarnição operacional do programa deu suporte aos psicólogos e assistentes sociais.

Chefe da Equipe de Articulação e Mobilização Social do Ronda, Vanessa Castro, detalhou como foi o primeiro dia de horário estendido com as pessoas em situação de rua e apontou, entre os lugares visitados, a Praça Sinimbu como a de maior risco e vulnerabilidade social.

“A primeira impressão foi bastante positiva porque tivemos como retorno a aceitação por parte da população atendida. Porém, o maior risco de vulnerabilidade identificado está na Praça Sinimbu, no Centro. É um local que requer uma atenção e um cuidado a mais na abordagem, nas informações e na aproximação para desenvolvermos o trabalho mais assertivo junto às pessoas que estão naquele local em situação de rua”, destacou.

Vanessa também explicou que durante a busca ativa, os profissionais se dedicaram a compartilhar com o público-alvo informações importantes sobre os serviços fornecidos pela Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), através de suas superintendências Ronda no Bairro, Rede Acolhe e Casa de Direitos, além de informá-los sobre o novo horário estendido.

“Estamos comprometidos em garantir que as pessoas estejam cientes dos recursos disponíveis e acessíveis a elas para que possam atendê-las em suas demandas”, explicou Vanessa Castro.


Últimas Notícias