CRIANÇA E ADOLESCENTE

Escola de Conselhos capacita conselheiros tutelares de Lagoa da Canoa para utilização do SIPIA

O sistema reúne informações sobre a garantia e defesa dos direitos da Criança e Adolescente

Everton Dimoni

sexta, 22 de abril de 2022 às 14h45

244

Vitor Beltrão

Texto de Everton Dimoni

Fotos de Vitor Beltrão

Conselheiros tutelares do município de Lagoa da Canoa iniciaram, na manhã desta sexta-feira (22), a oficina de capacitação para a utilização do Sistema de Informação Para a Infância e Adolescência – SIPIA. A instrução acontece na Escola de Conselhos de Alagoas, equipamento da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) voltado para a formação continuada dos conselheiros tutelares e Conselhos de Direitos do estado.

Segundo o coordenador da Escola de Conselhos, Walter Araújo, o SIPIA é um sistema nacional de registro e tratamento de informações sobre a garantia e defesa dos direitos fundamentais preconizados no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O sistema agrega informações em nível municipal, estadual e nacional e se constitui em uma base única nacional para formulação de políticas públicas no setor, fortalecendo ainda mais o sistema de garantia de direitos da Criança e do Adolescente.

“Com o SIPIA, o Conselho Tutelar passa a informatizar o atendimento na base e dinamizar os dados estatísticos do município. Assim, torna-se mais efetiva a formulação de novas políticas voltadas para a criança e o adolescente, uma vez que em cima de dados estatísticos fica mais fácil identificar quais são as lacunas e as dificuldades para propor a formulação de políticas direcionadas aos maiores índices de violência no município”, explica.

A coordenadora técnica municipal do SIPIA Lagoa da Canoa, Lívia Larissa, comenta o suporte da capacitação para o aprimoramento do trabalho assistencial no município. “A implantação do SIPIA - Módulo Conselho Tutelar em Lagoa da Canoa vem para somar no atendimento a rede socioassistencial, facilitando todo o trabalho, tanto do Conselho Tutelar quanto da Secretaria de Assistência Social, do CRAS, do CREAS, em uma grande parceria visando o atendimento integral e a proteção da criança e do adolescente”, disse.

A secretária de Gestão Interna da Seprev, Elisa Valcácer, esteve presente na aula inaugural, onde ressaltou que a Escola de Conselhos é o primeiro equipamento do Brasil a possuir um prédio próprio e pronto para atender as demandas dos 102 municípios alagoanos.

“O Governo de Alagoas tem dado grande prioridade à política da Criança e do Adolescente, e um equipamento como a Escola de Conselhos vem demonstrar essa atenção. É um orgulho para a Seprev implantar um espaço como esse, que é pioneiro no Brasil para capacitação não apenas dos Conselhos Tutelares, mas de todos os atores envolvidos no sistema de garantias de direitos da Criança e do Adolescente”, afirmou a secretária.

Imagens do Álbum


Últimas Notícias