Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2017 Novembro Oficinas de panificação e produção de sorvete são inauguradas em Água Branca
25/11/2017 - 17h55m

Oficinas de panificação e produção de sorvete são inauguradas em Água Branca

Inauguração fez parte da programação da 8ª edição do Governo Presente, no Alto Sertão alagoano

Oficinas de panificação e produção de sorvete são inauguradas em Água Branca

Texto de Severino Carvalho/Agência Alagoas

O governador Renan Filho e a secretária de Estado da Prevenção à Violência, Esvalda Bittencourt, entregaram, no início da noite desta sexta-feira (24), em Água Branca, as oficinas de panificação e de produção de sorvetes da Comunidade Santo Onésimo.

A inauguração fez parte da programação da 8ª edição do Governo Presente, no Alto Sertão alagoano. A instituição acolhe 33 dependentes químicos em recuperação. Eles passaram por capacitação e já produzem os alimentos.

“Com essas oficinas estamos trabalhando a inclusão produtiva. Essa instituição é muito organizada e encantadora”, disse o governador, que ao lado do senador Renan Calheiros, do prefeito de Água Branca, José Carlos, do deputado estadual Carimbão Júnior e da deputada federal Rosinha da Adefal, conheceu as dependências da Comunidade e conversou com os acolhidos.

“Sem essa Comunidade eu não sei onde estaria hoje. Quero agradecer ao governador pelo apoio dado a nossa instituição”, disse Bruno da Silva, acolhido pela Santo Onésimo há quatro meses.

“As bases da nossa instituição, que existe há cinco anos, são a espiritualidade, a disciplina e o trabalho”, explicou a presidente da Comunidade Santo Onésimo, Luciene Brandão.

De acordo com ela, os produtos das oficinas serão destinados ao consumo interno e externo. As vendas vão colaborar para o pagamento das despesas da instituição, sobretudo as contas de água e luz.

“Sempre estamos promovendo eventos aqui em nossa comunidade e aproveitamos essas ocasiões para fazer a venda dos produtos como pães, bolachas, biscoitos e sorvetes”, disse Luciene.

Os recursos para a instalação das oficinas e a compra dos equipamentos foram destinados por meio de emenda parlamentar do deputado federal Givaldo Carimbão.

“Esse trabalho é fundamental para evitar que eles não voltem ao mundo das drogas. Todos foram capacitados e as oficinas já estão funcionando. Temos nove oficinas produtivas como essas, entre as 37 comunidades acolhedoras credenciadas pela Rede Acolhe do Governo do Estado”, explicou Esvalda Bittencourt.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

 

Portal da Transparência